• Filmes e Séries

    Crítica | Bright

    Sempre crio grandes expectativas para filmes que são muito divulgados e especulados, com Bright não foi diferente. A Netflix criou uma atmosfera tão encantada em torno dessa nova trama estrelada por Will Smith que dia 22 de dezembro parecia não querer chegar nunca. A história criada por Max Landis e dirigida por David Ayer se passa em uma Los Angeles alternativa, onde humanos e criaturas como orcs, elfos e fadas convivem em harmonia – ou tanta harmonia quanto possível para criaturas tão diferentes. O filme começa com uma série de cenas de ambientação, para deixar bem claro para o espectador…