Arquivos

Filmes

Star Wars e a magia de mudar vidas e ensinar conceitos

Posso dizer que minha paixão por Star Wars é algo recente. Para uma franquia de mais de 40 anos, conhecer a cerca de 10 anos é como estar chegando na fase adulta agora. Não que isso seja ruim, muito pelo contrário, a construção disso não poderia ser melhor.

Conheci a saga através do Episódio 1: Ameaça Fantasma, e só anos depois que fui refletir que ali não estava o melhor que Star Wars podia ter, mas para mim aquilo já era incrível. Novos mundos, personagens marcantes, diálogos fortes e um visual incrível. Como não se encantar?

A partir desse ponto, fui acompanhando os outros filmes conforme seu ano de lançamento com o episódio 3 – A Vingança dos Sith, e só depois deste que a trilogia clássica foi fazer parte da minha vida. Eu sei, é bizarro falar que só fui entender quem realmente era Darth Vader e a força que ele representava na cultura pop depois de ver nas telas sua origem, que a tempos vinha sendo esperada pelos fãs assíduos da saga.

Estava decretado assim que Star Wars estava no hall de grandes franquias na minha vida, ao lado de Senhor dos Anéis, Harry Potter e afins, mas era apenas mais um. O que definitivamente mudou minha visão que ali se formava algo muito maior, tem nome: Conselho Jedi São Paulo.

Em meados de 2017, fui convidado a um evento do fã clube que me encantou os olhos. A JediCon é o maior encontro de fãs da saga do Brasil, e foi a partir dela que minha visão desse mundo mudou. Eu entendia quem era Luke Skywalker, Leia Organa, Mestre Yoda e Han Solo, mas não era muito claro toda a construção grandiosa por trás desses personagens, que sem sombra de dúvida, estão entre os mais representativos da cultura pop.

Primeiramente através da JediCon, o Conselho Jedi me abriu os olhos por meio de bate-papos e uma mera conversa de corredor, que Star Wars era muito mais do que eu imaginava. Eu era apenas mais um admirador da saga, nem tão fanático assim, mas fui acolhido como um velho companheiro de guerra.

Um lugar que crianças a idosos são acolhidos de forma igualitária, aonde a fantasia pode se tornar realidade por meio do cosplay, e aonde é discutido de forma sadia e instrutiva os rumos, origens e principalmente, as influências de Star Wars na nossa vida.

Eu jamais poderia imaginar toda filosofia que existia por trás dessa saga, mas o Conselho Jedi me proporcionou isso. Reuniões esporádicas de aquecimento para os novos filmes da saga, só me empolgam cada vez mais para o que está por vir nesse universo. Mesmo que em constante renovação comparado aos filmes dos anos 80, as discussões buscam equilibrar a transição do clássico para o moderno, mostrando que mesmo com a modernização da saga, a sua essência está ali.

Amizade, confiança, lealdade e amor são alguns dos temas chave dessa maravilhosa saga do entretenimento, e refletem diretamente nos membros que compõe esse fã clube, que tenho orgulho em dizer que apoio e sigo. Hoje não vejo um lugar melhor que receba os fãs e admiradores de uma saga, do que um encontro do Conselho Jedi, Seja ele pequeno em uma livraria ou loja, ou grandioso e necessário, como a JediCon, que passamos amar e esperamos ansiosamente por mais e mais.

Infelizmente, sabemos que eventos proporcionados pelo fã clube dependem de investimentos que acabam restringindo por vezes sua realização, principalmente para aqueles de grande porte. Visto a vasta quantia de fãs que aderem esse amor por Star Wars e prezam pela integração dessa paixão, assim como eu, apoiamos qualquer base de apoio ou financiamento coletivo que venha a ser realizado para manutenção de momentos como esses.

Nesse Dia da Toalha e do Orgulho Nerd, minha opção não poderia ser outra, afinal Star Wars é muito maior do que os filmes, animações, livros e jogos. Star Wars é praticamente uma religião, embasada em conceitos primordiais para criação de grandes seres humanos, como aqueles que me fizeram amar ainda mais esse universo.

Obrigado Star Wars e obrigado Conselho Jedi São Paulo. Minha vida nerd não seria a mesma sem vocês. Que a força sempre esteja com vocês!

Deixe uma Resposta

Raphael Riveiro
Idealizador do Dinastia Geek, fanático por séries e games, engatinhando no mundo das HQs. Harry Potter, o universo Tolkien, Liga da Justiça e Tim Burton são o melhor do maravilhoso universo nerd/geek!