Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Morte é entrevistada em suspense escrito por Julia Giarola

Caso você tivesse a oportunidade de entrevistar a morte, qual seria a sua principal pergunta? Esta é a situação de Guy Standing, apresentador renomado que está com depressão profunda após perder o filho para o suicidio. Quebrado e desamparado, o homem recebe a oportunidade de entrevistar a personificação da morte, causando atrito no mundo inteiro. Esta é a proposta que a escritora Julia Giarola levanta em “Entrevista com a Morte”, seu segundo livro, lançado em setembro deste ano pelo Grupo Editorial Coerência.

Concorrendo ao prêmio Coerência Literária Awards 2021 na categoria Melhor Suspense, a obra traz reflexões e discussões sobre depressão, suicídio e entre outros assuntos bastantes atuais e que muitas das vezes são ignorados pela sociedade. Por meio de uma narrativa com gatilhos e bastante intimista, o leitor acompanha o homem depressivo se preparando para entrevistar o seu maior inimigo: a morte.

“Este é um livro sobre a perda e sobre o luto, mas acima de tudo sobre coragem”

A mineira, de apenas 23 anos, reforça que sempre teve contato com o cinema e a literatura, e encontrou grandes inspirações para esse enredo a partir do filme “Frost vs Nixon”. “Sempre achei o conceito de entrevistar a morte interessante e intrigante, assim, explorei e me aprofundei em diversos assuntos reais para desenvolver uma história que causasse impacto no público por dias”, conclui.

“Entrevista com a Morte” é uma história sobre quem fica após um caso de suicídio, é sobre as dores, empecílhos, gatilhos e a necessidade de ter coragem para seguir vivendo. Os exemplares já estão disponíveis nas principais livrarias do Brasil e nas lojas virtuais.

Sinopse: Guy Standing é um renomado apresentador, mas se manteve afastado das telas após o suicídio de seu filho. Depois de meses sem aparecer em público, ele volta ao seu antigo estúdio, motivado pelo seu agente, Nate, para preparar a entrevista do século. Juntamente com uma equipe de filósofos, sociólogos e teólogos, o apresentador enfrentará um dos maiores desafios de sua existência, já que terá de encarar seus próprios fantasmas, pois a pessoa a quem entrevistará é a personificação da Morte.

Show CommentsClose Comments

Leave a comment