Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

Modern Love: uma antologia romântica que vai aquecer seu coração

Esses dias me peguei naquele limbo onde se navega infinitamente pelo streaming procurando alguma coisa para assistir e me deparei com o banner da série Modern Love, mas confesso que só dei play no primeiro episódio porque vi a Anne Hathaway na imagem…

A série produzida pela Amazon Prime Vídeo tem uma temporada com oito episódios que abordam a temática das comédias românticas com uma pincelada de drama (em alguns episódios). Cada episódio conta uma história diferente, com personagens diferentes e um tipo de amor diferente.

EP01. Quando o porteiro é seu melhor homem

Modern Love

Maggie (Cristin Milioti) sempre teve relacionamentos curtos e mesmo assim, sempre manteve a esperança a cada vez que conhecia um cara novo. Em uma jornada tortuosa, ela acaba percebendo que Guzman (Larentiu Possa), o porteiro de seu prédio é o melhor homem que ela poderia ter em sua vida.

Ao fim do episódio eu tinha lágrimas nos olhos e um sorrisinho bobo nos lábios.

EP02. Quando o cupido é uma jornalista curiosa

Modern Love

Joshua (Dev Patel) está dando uma entrevista sobre seu aplicativo de relacionamentos, quando Julie (Catherine Keener), a jornalista, faz uma pergunta inusitada sobre sua vida amorosa. Joshua conta seu relato e Julie acaba usando sua própria história para aconselhar o jovem.

O episódio trás aquele sentimento de esperança no amor e nos relacionamentos, com um fim bonitinho que tende um pouco ao clichê que são as comedias românticas.

EP03. Me aceita como eu sou, quem quer que eu seja

Modern Love

Lexi (Anne Hathaway) é bipolar e durante o episódio ela conta a história de sua vida, como lidava com o distúrbio e como isso afetava sua relação com outras pessoas.

Esse episódio tem um roteiro muito mais voltado ao drama, Hathaway executa muito bem seu papel — rola até uma cena musical — e ao fim fica a sensação de encantamento pelas possibilidades que o amor pode trazer para a vida de uma pessoa.

EP04. Renovado para manter o jogo vivo

Modern Love

Que casais tem problemas no relacionamento todo mundo sabe, mas às vezes a situação chega em um ponto em que é necessário procurar ajuda de um profissional, assim Sarah (Tina Fey) e Dennis (John Slttery) passam a frequentar uma terapeuta na busca da salvação de seu casamento.

O episódio mostra o dia a dia de uma família e das implicações que a rotina e os maus hábitos podem trazer para o casamento. Talvez seja o mais parado, mas também é o que retrata melhor a realidade.

EP05. No hospital, um interlúdio de clareza

Modern Love

E se você tivesse o segundo encontro em um hospital? É isso que acontece com Rob (John Gallagher Jr.) e Yasmine (Sofia Boutella). Após um acidente no início do encontro, Rob precisa passar por uma cirurgia e Yasmine fica no hospital como sua acompanhante. Durante o período pós-operatório, ambos contam seus segredos e passam a se conhecer melhor.

Acho que esse foi meu episódio favorito, demonstra muito bem a vida que os jovens têm levado hoje, com todos os distúrbios psicológicos (ansiedade, medos, cobranças […]) e a relação que temos com as mídias sociais.

EP06. Então ele parecia um pai, e era só um jantar, não é?

Modern Love

Maddy (Julia Garner) sonha em ter uma figura paterna presente em sua vida e assim, acaba confundindo a relação que tem com seu colega de trabalho Peter (Shea Whigham).

Ao acabar de assistir fiquei com aquela sensação de vergonha alheia que me acompanhou durante o episódio todo, com certeza foi o episódio que menos gostei.

EP07. Um mundo só para ela

Modern Love

Um casal gay Daniel (Brandon Kyle Goodman) e Tobin (Andrew Scott), decidem que chegou a hora de começar uma família e iniciam o processo para adoção. Na sequência eles conhecem Karla (Olivia Cooke) que está gravida e pretende colocar o bebê em adoção.

Esse episódio trás uma história linda de ser assistida, como é o amor dos pais aos filhos?
Também mostra como as pessoas são diferentes e o choque cultural que existe quando essas pessoas são obrigadas a interagir. O episódio conta ainda com a participação especial de um cantor famoso.

EP08. A corrida fica mais gostosa na volta final

Modern Love

O último episódio, o mais inspirador e que me fez chorar copiosamente, conta a história de Margot (Jane Alexander), uma senhora que se apaixona já na terceira idade. A história é contada no presente e no passado, intensificando as sensações do telespectador. Esse episódio tem um plot inesperado que acaba impactando o romance inicialmente proposto, porém o resultado final compensa a corrida — literalmente.

Cada episódio de Modern Love tem cerca de 30 minutos de duração e por tratarem de histórias diferentes podem ser assistidos fora de ordem, com exceção do último. “A corrida fica mais gostosa na volta final” precisa ser o final para que o espectador tenha a experiência por completo.

Vale ainda ressaltar que as histórias contadas na série são baseadas em fatos reais, estas foram originalmente publicadas na coluna Modern Love, do New York Times.

Se você está precisando encontrar esperança no amor, ou se precisa chorar descontroladamente para aliviar as tensões, ou se quer apenas sentir aquele quentinho no coração, Modern Love é a série do momento para você!

Mostrar ComentáriosFechar Comentários

Deixe um comentário