Arquivos

Séries e TV

How to Get Away with Murder – Premiere da 4ª temporada

How to Get Away with Murder é um nome gigante para uma série gigante no quesito talento. Uma série com a multipremiada camaleoa Viola Davis e escrita pela mulher que adora estraçalhar nossos corações, Shonda Rhimes, não poderia ser diferente. Isso foi provado no decorrer das suas três temporadas e só vem se confirmar ainda mais no início dessa quarta.

Ao fim da terceira temporada, Annalise Keating tinha perdido tudo: Sua reputação, marido, casa e Wes, que era quase um filho para ela, ainda que 99% da audiência o achasse insuportável. E ainda estava correndo um risco enorme de perder a licença para praticar o Direito. Descobrimos, com relativa surpresa, que foi o pai de Laurel que matou Wes, sem saber que sua filha esperava um filho dele. Seria um final de série perfeito mas queremos mais e os roteiristas pelo jeito também querem! Por isso nos brindaram com um primeiro episódio de quarta temporada extremamente bom.

Mantendo o estilo narrativo que fez sucesso nas outras temporadas, misturando presente, passado e futuro, ela começa com Annalise escrevendo cartas e os Keating 5 recebendo mensagens de texto da mestra, convocando-os para um jantar em um restaurante chique (segundo o Asher). No restaurante, cada um deles, ao sentar, percebe uma carta à sua frente. Então a história volta uma semana.

E meu momento fangirling acontece quando temos Annalise e Desmond se conhecendo no avião. Para quem não sabe, o desconhecido para nós, até o momento, Desmond é interpretado por Julius Tennon, marido na vida real de Viola Davis. Isso nos leva a crer que esse encontro não terminará no hotel onde Annalise o encontra, mas desiste de ir para cama com ele.

Annalise estava indo ver sua mãe, que vimos no fim da terceira temporada, estar sofrendo de um tipo de demência. Ela vai até a casa da mãe querendo coloca-la em uma casa de repouso, usando o dinheiro do seguro da casa. No entanto, na noite do mesmo dia, Bonnie liga para dizer que a irmã do falecido Sam está contestando o seguro, alegando ter direitos sobre a casa. Isso vai contra os planos de Annalise, que, após uma conversa com a mãe, mesmo com as mágoas e desconfianças em relação ao pai, decide deixá-la com ele, na própria casa.

Os Kesting 5, agora 4, parecem estar indo bem. Michaella e Asher parecem felizes, escolhendo uma cama nova. Harrison e Connor, também, mesmo que Connor ainda não tenha aceitado o pedido de casamento (pausa para dizer que os dois são o meu casal preferido e que Connor está hoooooooot com o novo visual). Apenas Laurel não parece tão bem, enquanto passeia com o pai. E revela a ele que fez um aborto e não diz quem era o pai.

Voltando para o presente, Annalise e Bonnie têm a audiência disciplinar sobre o caso dos traços de álcool no sangue de nossa protagonista, enquanto ela ainda estava em condicional. Em um discurso sincero e verdadeiro, Annalise consegue uma segunda chance e não perde o direito de advogar. O que nos leva ao restaurante e às cartas.

No restaurante, quando todos chegam, Laurel revela que ainda está grávida e que vai ter o bebê e Annalise revela que o conteúdo são cartas de recomendação. Que todos estão livres para seguir o seu destino, o que gera uma imensa revolta nos Keating 4. A maior surpresa é quando Bonnie também recebe sua carta.

Todas são extremamente elogiosas e eles começam a procurar estágios e Bonnie um novo emprego (tudo bem que com o promotor que odeia Annalise, mas vida que segue). Laurel começa a mandar uma mensagem de texto para o pai perguntando por que ele matou Wes, mas desiste. E Annalise começa a se consultar com o analista que o tribunal determinou para ela não perder sua licença. Tudo parece fim de série até que a marca registrada da série muda tudo.

O salto no tempo dessa vez é de três meses. O analista de Annalise encontra-se com Frank (Te amamos, Frank!) em um hospital, onde ele fala sobre a pessoa que está lá e que ela tem traços de drogas no sangue. Quando se aproximam vemos que é Laurel e… CADÊ O BEBÊ??? Laurel não sabe e nem nós!! CADÊ O BEBÊ DE WES E LAUREL, MINHA GENTE???? O que o analista de Annalise tem a ver com isso????

O que vocês acham que aconteceu? Lembrem-se que essa série é sempre surpreendente! Contem para a gente! Episódio que vem tem mais… Por enquanto, podemos dizer que começou muito bem!

Deixe uma Resposta

Marcelle Suazquita
Dcnauta que adora a Marvel. Aluna imaginária da Corvinal que sonha em ser uma Elfa e casar com Clark Kent. Responsável - e irresponsável - por dar pitacos em séries, filmes e literatura. Bernard Cornwell é meu lorde e senhor.