Arquivos

Livros

Apenas Os Inocentes | Resenha

O livro Apenas os Inocentes relata a história de um assassinato e os seus mistérios, fazendo com que a nossa visão de vítima e assassino mude conforme segredos são revelados.

Escrita por Rachel Abbott e lançada em 2014 pela editora Record, a obra relata o assassinato de um filantropo e bilionário e querido pela mídia chamado Hugo Fletcher. Encontrado morto de forma degradante, a polícia então começa a investigar para descobrir o porquê e quem poderia ter matado um cara tão querido na sociedade.

É então que Tom Douglas, inspetor-chefe da polícia, entra em ação para desvendar esse caso, e como um bom policial suas primeiras suspeitas caem em cima da esposa de Hugo, a Sra. Laura Fletcher, que começa a ser investigada por sua falta de empatia pela morte do marido. 

“As mulheres não matam a sangue-frio. A não ser que tenham um motivo para fazê-lo.

O livro é narrado em terceira pessoa facilitando a mescla de presente e passado, através de memórias que são contadas por cartas escritas por Laura no decorrer dos acontecimentos passados. As revelações que essas cartas nos trazem, fazem com que o leitor comece a conhecer melhor a vítima e quais eram os seus defeitos e seus segredos, fazendo nos questionar se realmente ele era uma pessoa de bom caráter. 

Hugo era dono de uma empresa que resgata garotas que foram importadas para virarem escravas sexuais, ampliando assim para Tom Douglas a sua lista de suspeitos. Outros personagens são apresentados como suspeitos, uma delas é Imogem, ex-cunhada e amiga de Laura, a quem essa entrega as suas cartas com lembranças para que a amiga tenha conhecimento de quem realmente foi Hugo e do que ele era capaz. Após várias revelações e reviravoltas Tom começa a descobrir sobre a verdadeira pessoa de Hugo e começa a se questionar sobre quem realmente é a vítima dessa história. 

Essa resenha não possui muitas informações do livro, pois a cada momento nos é revelado novidades e segredos impedindo que eu me estenda demais nos detalhes do livro. Então recomendo sim essa leitura para que vocês se surpreendam e descubram detalhes da vida desse homem de falsas verdades que foi Hugo Fletcher.

Mas também antecipo, se você está esperando um super livro policial já te adianto que esses detalhes ficaram bem simples, mas se você está atrás de uma história cheia de teias e tramas então esse livro é totalmente para você. 

E por último deixo um questionamento, será que a vítima era realmente uma vítima?

Avaliação

Enredo9
Personagens10
Diagramação9
Acabamento9.5
9.4

Resumo

Deixe uma Resposta

Giovanna Ferigato
Olá galerinha, eu sou a Giovanna, sou de Bauru, a cidade do sanduba, sou formada em turismo, sou uma escravinha hoteleira, e além de tudo isso sou integrante do Dinastia!