Arquivos

DinastiaGoTSéries e TV

5 personagens que podem mudar o final de GoT | DinastiaGoT

Se há uma coisa que gera discussão entre os amigos quando se fala de Game of Thrones, são as teorias! Se algumas delas forem verdade, trago aqui 5 personagens que podem ser fundamentais para o destino de Westeros.

Jaqen H’ghar

O homem sem face, um tanto quanto misterioso pelos seus atos, pela sua crença no deus da morte e pela sua origem. A teoria mais mirabolante diz que Jaqen na verdade é Rhaegar Targaryen, irmão de Daenerys e pai de Jon Snow! Mas que? Como assim?

Vamos com calma…

Rhaegar Targaryen teria sido derrotado na Rebelião de Robert, desencadeada pelo seu suposto rapto a Lyanna Stark, mãe de Jon Snow. Após a batalha, seu corpo nunca foi encontrado. Mas, como ele assume o papel de Jaqen? Isso pode ser explicado através de dois misteriosos personagens recorrentes na série.

O primeiro deles é Lorde Baelish, o Mindinho. Sim, aquele que foi degolado por Arya Stark (S07E07) pode ter um papel fundamental nessa construção.

A teoria diz que Mindinho sofreu um grave ferimento numa batalha contra Brandon Stark, irmão de Ned Stark. O duelo tinha por motivação o coração de Catelyn Stark. Aparentemente, o ferimento na costela não seria fatal, mas o que ninguém sabe, é que se agravou causando a morte dele.

O momento do duelo teria marcado a última vez que Catelyn havia visto Baelish, ocorrendo novamente só décadas depois em King’s Landing, na visita da família real ao Norte (S01E01).

Outro personagem que é importante para desenvolver a teoria é Syrio Forel. O misterioso espadachim chega a King’s Landing sem muita explicação, se aproximando da família Stark através dos seus ensinamentos a Arya.

O personagem é marcante por também ser devoto do deus da morte, assim como Jaqen mostra ser, sendo destaque na série por uma das frases de maior impacto até então:

Apenas existe um deus, e seu nome é Morte. E apenas tem uma coisa para se dizer para a Morte: ‘Hoje não’

Não sabemos seu destino, apenas que em sua última batalha ele defende Arya até o fim, até sua suposta morte (S01E08).

Em outro momento da vida de Arya, mais um conselheiro cruza seu caminho. É a primeira vez que vemos a suposta face verdadeira de Jaqen H’ghar, preso pelos Lannister. A função do conselheiro é fundamental para a construção da Arya que temos hoje, tornando-a uma assassina sem face.

Ok, mas o que raios tem a ver Mindinho, Syrio e Jaqen em toda essa história, e qual a relação deles com Rhaegar?

Tudo começaria com a teoria de que Rhaegar não morreu na Rebelião. Isso faria com que ele fugisse para Bravos e se juntasse a casa dos sem face, se tornando um deles.

Sabendo que Baelish morreu no duelo, não é difícil imaginar que Rhaegar pudesse obter a face dele. Portanto, o Mindinho que conhecemos (e odiamos), sempre foi “ninguém”.

Já com uma face, o que são duas mais para Rhaegar? Por consequência, ele obtém uma face desconhecida de Jaqen, um mero assassino, e de Syrio, habilidoso espadachim. Mas qual a relação entre tudo isso no fim das contas?

Minha aposta para esta teoria ser verdade, se baseia em dois pilares:

  1. Todos os personagens como possíveis faces de Rhaegar já se manifestaram como nascidos ou com forte ligação em Bravos;
  2. Todos eles se aproximam da família Stark de alguma forma, principalmente de Arya. Seria a motivação de Rhaegar em busca de seu filho com Lyanna, até então desconhecido por ele?

Gendry

Supostamente filho bastardo do rei Robert Baratheon, Gendry pode movimentar a questão de relacionamentos no fim da série. E se ele não fosse um bastardo, e sim filho legítimo do casamento entre Cersei Lannister e Robert?

O que mais nos deixa curioso e faz relacionar ele dentre os 5 personagens relevantes desta seleção, é porque ele voltou a história, interagindo em cenas importantes para a trama e ainda mais num núcleo tão fundamental como o de Jon Snow?

No começo da série, Cersei cita que mandou matar todos os bastardos de Robert, ainda bebês. Mas porque Gendry seria o único vivo? Um mero ferreiro não pode ser colocado nessa sequência tão importante da série de forma solta. Se ele realmente for filho legítimo do casamento, temos aí o herdeiro do trono de ferro!

Daario Naharis

Não é surpresa para ninguém que Daario tem uma afeição mais forte do que a lealdade de um guerreiro por Daenerys Targaryen, certo? E se ele for o último traidor da profecia que segue a Mãe dos Dragões?

Três traições conhecerá. Uma vez por sangue, uma vez por ouro e uma vez por amor.

A traição por sangue já foi cumprida por Maegi, traindo Daenerys e trocando a vida de seu filho por Khal Drogo. A traição por ouro ocorreu por meio da revolta dos filhos da Harpia, que se opuseram ao seu governo em Meereen. Estes estavam sendo financiados e fornecidos pelos proprietários de escravos de Yunkai e Astapor, que haviam reclamado as duas cidades do domínio de Daenerys.

Sendo assim, para cumprimento da profecia, resta a traição por amor. Seria Daario Naharis o homem por traz deste último ato?

Sor Jorah Mormont

Há uma ansiedade tremenda para sabermos quem é o bendito príncipe prometido, o Azor Ahai será… Sor Jorah Mormont? Sim, ele mesmo! Diz a lenda que o príncipe prometido é um líder ou salvador profetizado.

O príncipe pode fazer parte de uma antiga profecia que conta a história do retorno de um herói que irá acabar com a grande escuridão. Meistre Aemon menciona que o escolhido deve ter sangue de dragão, nascido sob uma estrela sangrenta, junto com fumaça e sal, como parte de uma antiga profecia do príncipe que retornará. Embora jamais mencione o termo conhecido através dos livros, Azor Ahai.

Então, porque seria Jorah? Vamos aos fatos…

O sangue de dragão seria explicado pela escolha como parte do Khalasar de Daenerys, sendo um fiel companheiro, sangue de seu sangue. O nascimento sob uma estrela sangrenta seria justificado pelo meteoro vermelho que surgiu no momento da cremação de Drogo. Já o nascimento com sal e fumaça, seria o mais claro possível, visto que Jorah renasceu nas águas da antiga Valíria, onde adquiriu Escamagris.

Explicado isso, temos o nosso possível Azor Ahai! Mas, e a tão famosa Luminífera? Seria ela o motivo pelo qual Jorah Mormont não herdou a Garra Longa, que foi repassada a Jon Snow por seu pai em Castle Black?

Estaria ele destinado à Luminífera? Seria ela a espada herdada pela família de Sam? Visto que Sam agora é amigo de Jorah, seria desta forma que a arma de aço valiriano chegaria ao príncipe prometido?

Bran Stark

E se o maior vilão da série sempre estivesse ao nosso lado? Uma das teorias recorrentes da internet diz que Bran na verdade é o Rei da Noite! Isso se explica a partir de uma das viagens pelo tempo espaço realizada por Bran, através de seu dom obtido pelo corvo de três olhos.

Em uma destas incorporações, o Stark poderia ter assumido o corpo do Primeiro Homem, que veio a se tornar o Rei da Noite através dos Filhos da Floresta. Mas como Bran e Rei da Noite vivenciam o mesmo espaço?

Talvez parte da mente de Bran tenha se corrompido em uma das viagens, e feito com que ele e o Rei da Noite possam compartilhar suas visões, mas sempre mantendo a face vilanesca no controle, um passo a frente de seus atos.

Mesmo sendo verdade que a mente de Bran seja fruto do Rei da Noite, quais as motivações da criatura a conquistar o mundo dos homens? Isso, talvez só a mente de Martin saiba explicar…

Deixe uma Resposta

Raphael Riveiro
Idealizador do Dinastia Geek, fanático por séries e games, engatinhando no mundo das HQs. Harry Potter, o universo Tolkien, Liga da Justiça e Tim Burton são o melhor do maravilhoso universo nerd/geek!