Arquivos

Games

Review | Call of Duty: WWII

Quando fiquei sabendo que Call of Duty voltaria a retratar guerras passadas, tive uma esperança que a franquia voltaria a produzir jogos como antigamente, e isso aconteceu através da Activision e Sledgehammer Games.

A campanha de Call of Duty WWII apresenta todo o realismo que o drama de guerra, assim como os esforços realizados. Como um jovem texano chamado “Red” Daniels, este soldado americano oferece aos jogadores a visão e a interpretação dos eventos do Dia D, ultrapassando a última ponte do outro lado do Reno. Este grupo de soldados dos EUA que tentam sobreviver à invasão da europa ocupada pelos nazistas. As cenas incríveis do modo campanha que estamos acostumados a ver em COD, você pode conferir também em WWII, oferecendo de tudo um pouco, desde a condução de veículos e as sequências de combate, missões furtivas e sobrevivendo contra ondas de ataque aos alemães.

A campanha Call of Duty da Segunda Guerra Mundial é uma das representações mais horríveis e angustiantes de guerra que a Sledgehammer Games mostrou, não ficou devendo para a primeira versão que a Treyarch produziu. A medida que a campanha atravessa a frente alemã, apenas as referências passadas aos horrores da ocupação alemã e do holocausto são mencionadas ao longo da história, em lugares simplesmente chamados de “campos de trabalho” (ponto negativo), poderiam ter explorado mais.

Os jetpacks e munições de alta tecnologia precisavam ficar de lado e Call of Duty WWII resgatou o que é um jogo de guerra real. Isso porque só esquadrões de Daniels estão sempre ao seu lado e cada membro é especializado em um tipo específico de itens que eles podem compartilhar com o jogador. Essas habilidades são obtidas através de matanças e não por tempo, então você não pode simplesmente voltar e esperar que o Zussman jogue um pacote de saúde toda vez que você estiver quase para baixo e para fora (ponto positivo). Isso ajuda a campanha da segunda guerra mundial tenha um enredo melhor do que os recentes jogos de COD.

Falando do modo multiplayer, na minha opinião gostei muito e estava fazendo falta, apesar de não ter tanta inovação. As facções (ou classes) são um novo conceito para Call of Duty WWII e oferecem aos jogadores algumas escolhas táticas extras, dependendo do seu papel no combate. Estas cinco classes variadas dão vantagens únicas para as armas, mas, felizmente, essas classes não se limitam ao uso de armamentos específicos.

O Call of Duty da Segunda Guerra Mundial apresenta novidades para o modo multiplayer, um deles é o competitivo, por ranking. Já o War Mode é modo focado em objetivos que combinam vários objetivos espalhados por diferentes fases de um mapa. Além disso, a franquia criou um espaço social (parecido com Destiny). Para quem conhece a franquia, não podia faltar o modo Zombies.

De forma geral gostei muito COD voltando mais simples sem ter robôs gigantes e alta tecnologia futurista, tanto na campanha como no multiplayer. O jogo resgatou os tempos de World at War e Modern Warfare em questão de jogabilidade, quando a franquia era considerada a melhor do seu gênero. Não é melhor Call of Duty, mas é o melhor da atual geração. Neste link você pode conferir meu gameplay com a primeira hora de jogo entre campanha e multiplayer. Vale lembrar que o jogo esta disponível para Playstation 4, Xbox One e PC.

E você, o que achou do novo título da franquia? É o que a Activison deveria ter feito? Conta para a gente nos comentários.

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=a9ITIaKzG3A]

Quando fiquei sabendo que Call of Duty voltaria a retratar guerras passadas, tive uma esperança que a franquia voltaria a produzir jogos como antigamente, e isso aconteceu através da Activision e Sledgehammer Games. A campanha de Call of Duty WWII apresenta todo o realismo que o drama de guerra, assim como os esforços realizados. Como um jovem texano chamado "Red" Daniels, este soldado americano oferece aos jogadores a visão e a interpretação dos eventos do Dia D, ultrapassando a última ponte do outro lado do Reno. Este grupo de soldados dos EUA que tentam sobreviver à invasão da europa ocupada…
A série Call of Duty retorna às raízes com Call of Duty: WWII, uma experiência espetacular que redefine a Segunda Guerra Mundial para uma nova geração de jogadores. Desembarque na Normandia no Dia D e participe de batalhas por toda a Europa em lugares icônicos da guerra mais monumental da história. Experimente o clássico combate de Call of Duty, os laços de camaradagem e a natureza implacável da guerra.

Call of Duty WWII

Jogabilidade
Enredo
Multiplayer
Trilha Sonora
Gráficos
Inovação

ESPADAS

A série Call of Duty retorna às raízes com Call of Duty: WWII, uma experiência espetacular que redefine a Segunda Guerra Mundial para uma nova geração de jogadores. Desembarque na Normandia no Dia D e participe de batalhas por toda a Europa em lugares icônicos da guerra mais monumental da história. Experimente o clássico combate de Call of Duty, os laços de camaradagem e a natureza implacável da guerra.

Deixe uma Resposta

Roberto Nascimento
Beto, paulista, sempre em busca de bons shows, viagens, livros, cultura pop em geral (não necessariamente nesta ordem). Fã de Star Wars, DC, Marvel entre outras coisas mais. Amante do universo da fotografia, sempre registrando por onde passo.