Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

A Odisseia de Hakim: Da Síria à Turquia | Resenha

Quando li a sinopse de A Odisseia de Hakim, já esperava uma HQ muito densa e com uma história interessante e comovente, e estava correta. Fabien Toulmé nos traz mais uma vez uma história real, que mostra as dificuldades, medos e desafios dos refugiados.

Nunca pensei que isso pudesse me acontecer. Mas me dei conta de que qualquer um pode virar um ‘refugiado’. Basta que seu país desmorone. Ou você desmorona junto, ou você vai embora.

Hakim é um jovem sírio que se vê obrigado a abandonar seu país de origem para sobreviver. Mas, antes de conhecermos nosso protagonista, Fabien explica o motivo de escolher escrever esta história.

Toulmé expõe que o desejo de escrever um quadrinho contando a história de um refugiado sírio surgiu ao perceber que os jornais não trataram com a mesma comoção as centenas de mortes que acontecem quase diariamente no Mediterrâneo. Os imigrantes que buscavam um lugar mais seguro para viver eram mostrados pela mídia como um problema a ser controlado. O autor ainda busca explicar como o conflito sírio começou. O primeiro capítulo do livro é praticamente uma aula de História compactada.

Dito isso, daqui pra frente entramos com tudo na história de Hakim, desde a sua infância até o momento em que a primeira manifestação por liberdade, retrato de uma população cansada de um regime ditatorial com mais de 40 anos, estoura uma guerra civil.

O quadrinho mostra a evolução destes protestos e suas consequências, uma delas é a prisão e tortura de Hakim, que é preso injustamente pelo governo. Depois de passar por semanas de tortura física e psicológica, Hakim perde seu negócio e decide abandonar a Síria em busca de condições para ajudar sua família a fugir e ter uma vida mais segura.

Neste volume, acompanhamos a jornada de Hakim até a Turquia. Podemos ver a dificuldade para arrumar um emprego, xenofobia, incertezas, medo, e ao mesmo tempo um pouco de esperança com os laços de amizade e amor. Aguardo ansiosamente pela continuação da história nos 2 volumes seguintes para saber mais sobre a caminhada desta personagem.

A Odisseia de Hakim nos apresenta um testemunho poderoso e comovente que nos imerge na injustiça de um povo que não pode mais viver no próprio lar, que precisa abandonar o conhecido e começar do zero em um novo lugar onde não falam sua língua ou compreendem sua cultura.

Arte
10
Composição
10
Diagramação
10
Enredo
10
Personagens
10
Acabamento
10
Voto do Leitor(a)0 Votes
0
10
Show CommentsClose Comments

Leave a comment