Crítica | Bleach (Netflix)

0
162
views
Bleach (Netflix)

Eu sei, você deve estar clicando no link desse review com todo pensamento pessimista possível, achando que estragaram Bleach, o anime que você adorava e que a vida não tem mais sentido. Mas, eu gostaria de dizer que você achou errado, e a adaptação cinematográfica de Bleach é melhor que o próprio anime.

Antes de aflorar os ânimos, vamos tentar entender os motivos dessa minha percepção. Começando pela excelente escolha dos atores, Sôta Fukushi ficou perfeitamente caracterizado como Kurosaki Ichigo. Tem umas cenas contra a luz que fica apenas a silhueta do personagem, e você consegue ver claramente o mesmo Ichigo dos animes e do Mangá. A Rukia está bem representada, assim como Renji, mas a cereja do bolo temos o famoso e talentoso Miyavi, que faz o impiedoso Kuchiki Byakuya, e acerta perfeitamente no tom do seu personagem. Outro ponto extremamente positivo são os Hollows, eles são críveis, não ficaram caricatos como se imaginava, e são realmente assustadores.

Já que a fidelidade visual está praticamente impecável, esse é o ponto alto, certo? Errado! O enredo consegue simplificar e ser didático para todo mundo que não conhece o anime, e explica facilmente a diferença entre Hollows e Shinigamis, a existência da Soul Society, e como tudo isso funciona em conjunto com o mundo real. Foram eliminadas as explicações de todas aquelas tramas paralelas do anime, e focamos apenas em Ichigo e na sua jornada para se tornar forte e impedir que Rukia seja condenada por ter lhe cedido os poderes de Shinigami, e mais uma trama pessoal que o próprio Ichigo acaba descobrindo no decorrer de seu treinamento. É isso, a boa e velha jornada do herói, adaptada dentro do enredo que já existe em Bleach. 

Os efeitos especiais são ótimos para o orçamento curto do filme, e a escolha das texturas utilizadas nos Hollows foram ótimas para tornar aqueles monstros em seres táteis no mundo real. A caracterização dos personagens, a movimentação, e todo o trabalho estético lembra bastante ao que foi utilizado nos filmes de Samurai X, e são outro acerto. A parte sonora é agitada e pesada como no anime, aproveitando-se até de temas famosos usados no anime, um outro grande acerto. A atuação de todo mundo é boa, e mesmo os personagens mais caricatos são mais agradáveis aos olhos ocidentais, principalmente o próprio Ichigo e seu senso de humor singular.

É claro que nem tudo é perfeito, mas para o orçamento de 4 milhões que foi utilizado, a Warner Bros Pictures do Japão fez outro excelente trabalho de produção. Se Full Metal Alchemist não foi perfeito por causa da sua trama corrida, Bleach acerta em cheio por adaptar um arco curto do anime/mangá e consegue encerrar o filme como uma produção fechada, apesar de deixar um gancho mínimo para a sua esperada continuação.

Trivia: Do 4 milhões orçados, o longa já teve mais de 10 milhões de lucro mundialmente, tendo se pago apenas com a bilheteria japonesa.

Eu sei, você deve estar clicando no link desse review com todo pensamento pessimista possível, achando que estragaram Bleach, o anime que você adorava e que a vida não tem mais sentido. Mas, eu gostaria de dizer que você achou errado, e a adaptação cinematográfica de Bleach é melhor que o próprio anime. Antes de aflorar os ânimos, vamos tentar entender os motivos dessa minha percepção. Começando pela excelente escolha dos atores, Sôta Fukushi ficou perfeitamente caracterizado como Kurosaki Ichigo. Tem umas cenas contra a luz que fica apenas a silhueta do personagem, e você consegue ver claramente o mesmo…
Eu sei, você deve estar clicando no link desse review com todo pensamento pessimista possível, achando que estragaram Bleach, o anime que você adorava e que a vida não tem mais sentido. Mas, eu gostaria de dizer que você achou errado, e a adaptação cinematográfica de Bleach é melhor que o próprio anime.

Crítica | Bleach (Netflix)

Roteiro
Direção de Arte / Fotografia
Efeitos Especiais
Direção

ESPADAS

Eu sei, você deve estar clicando no link desse review com todo pensamento pessimista possível, achando que estragaram Bleach, o anime que você adorava e que a vida não tem mais sentido. Mas, eu gostaria de dizer que você achou errado, e a adaptação cinematográfica de Bleach é melhor que o próprio anime.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here