Review | Marvel’s Runaways (Os Fugitivos)

0
83
views

A parceria da Marvel e Hulu rendeu uma nova série em 2017 chamada Runaways (Os Fugitivos), parceria que deu tão certo que garantiu a renovação da segunda temporada. Esta série é baseada nas HQs destes super-heróis adolescentes e foi produzida pela ABC Studios e Marvel. A série chega mês que vem no Brasil pelo canal Sony. Com sua primeira temporada finalizada, vamos falar sobre ela e o que podemos esperar para a próxima temporada. Fique tranquilo, não há spoilers.

Para começar, vamos entender um pouco a origem da série e como chegou ao serviço de streaming. Runaways é uma série de HQs de super-heróis da Marvel Comics, a série apresenta um grupo de adolescentes que descobrem que seus pais fazem parte de uma organização criminosa, conhecida como Orgulho. Criado por Brian K. Vaughan e Adrian Alphona, a série estreou em julho de 2003 como parte da marca “Tsunami” da Marvel Comics. A HQ foi cancelada em setembro de 2004 na edição dezoito, mas devido ao grande número de vendas, a Marvel voltou com ela em fevereiro de 2005.

Originalmente, a HQ apresentava um grupo de seis crianças cujos pais se reuniam todos os anos para um evento de “caridade”. Em um destes anos, as crianças espiam seus pais e aprendem o que é o Orgulho, uma organização criminosa formada por chefes da máfia, viajantes do tempo, magos, cientistas, invasores alienígenas e mutantes telepáticos. As crianças roubam armas e recursos de seus pais e aprendem que eles mesmos herdaram os poderes dos pais.

Alex Wilder, é um prodígio, enquanto Nico Minoru descobre que é uma bruxa poderosa, Karolina Dean descobre que ela é uma alienígena, Gert Yorkes descobre seu vínculo telepático com um dinossauro, Chase Stein rouba luvas futuristas de seu pai, enquanto a jovem Molly Hayes descobre que é uma mutante com incrível força. As crianças se juntam e derrotam e expulsam os pecados de seus pais, lutando contra as novas ameaças tentando preencher o vazio do Orgulho.

Rhenzy Feliz (Alex Wilder), Lyrica Okano (Nico Minoru), Virginia Gardner (Karolina Dean), Ariela Barer (Gert Yorkes), Gregg Sulkin (Chase Stein), e Allegra Acosta (Molly Hernandez) são os atores adolescentes escalados para viverem os heróis nas telas. Seis adolescentes de diferentes origens que se unem contra seus pais. Antes da série, em agosto de 2016, a Marvel Television anunciou que Runaways recebeu autorização para um piloto da Hulu, depois de ter sido desenvolvida e escrita por Schwartz e Savage. As filmagens do piloto e a divulgação do elenco foram reveladas em fevereiro de 2017, a série estreou em 21 de novembro do ano passado.

Feito as devidas apresentações, vamos falar da série em si: Runaways mostra que os seis adolescentes acham que seus pais são irritantes, como grande maioria dos adolescentes, mas nunca pensaram que eles eram vilões e de verdade. Isso acontece quando eles descobrem de forma acidental o segredo de seus pais. A descoberta deste segredo sobre o Orgulho, faz com que eles não ignorem e deixem as coisas acontecerem.

Assim como os pais, os adolescentes não têm nada de comum, dotados de superpoderes, estes amigos se unem para tentar descobrir o plano de seus pais. Eles podem ter nada em comum, mas as diferenças são aliadas para tentar salvar a cidade e porque não o mundo.

Por que diferentes? Aqui um breve resumo: Chase é jogador de lacross da escola, pode parecer um atleta “burro” por não tirar notas boas, mas se dá bem com engenharia na série. Karolina é a “garota perfeita”, sempre aparece ótima nas fotos das redes sociais, descobre que pode voar, brilhar com luz de arco-íris e disparar feixes de luz, seus poderes são de origem alienígena por conta de seu pai. Gert é uma feminista e tem uma ligação telepática com um dinossauro geneticamente modificado pelo seus pais. Molly é a mais nova do grupo, insegura, sempre pensando positivamente, ela tem força e invulnerabilidade sobre-humana. Nico é uma bruxa assim podemos dizer e que se isola através de sua aparência gótica. Alex é um nerd que deseja reunir seus amigos de infância, com alto intelecto, o líder dos Fugitivos.

Confesso que quando a série foi anunciada, não me interessei a assistir (ainda mais que Inumanos havia acabado há pouco tempo e foi ruim na minha opinião), acabei assistindo o primeiro episódio e gostei da dinâmica e narrativa da história. Outro ponto que me chamou a atenção foi a série abordar diferentes gêneros e tudo isso se encaixar: série de super-heróis com adolescentes, misturando drama sobre pessoas ricas com problemas extravagantes, fora que ainda tem uma igreja no meio disso tudo e um inimigo em comum, neste caso os próprios pais.

Como toda série teen, eles também têm que lidar com problemas adolescentes, como sentimentos conflitantes nas relações deste grupo de amigos, se você viu a série já deve ter recordado do que estou falando, para você que ainda não viu vai perceber quando ver. Alguns relacionamentos começam, outros não, mas vemos de forma ainda não vista nas séries da Marvel, um casal formando um relacionamento que não seja heterossexual. Ponto para Marvel neste quesito pois, é totalmente apropriado para uma série de adolescentes que descobrem quem são e quais são seus lugares no mundo.

A série termina de forma agradável e consegue responder muitas perguntas, saciando um pouco do mistério que foi construído, mas algumas não são respondidas e possivelmente serão na próxima temporada. O final também mostrou que o grupo de amigos está pronto para aceitar tudo o que aconteceu. Para a próxima temporada espero por uma temporada ainda melhor, gostaria de ver como os relacionamentos dos adolescentes continuam a crescer, seja como amigos ou com relacionamentos amorosos, bem como os novos vilões. Por último e não menos importante, iremos saber melhor o que é ser um fugitivo e o que isso significa para a vida deles.

Lá fora, Runaways teve uma boa recepção, a série é considerada séria, divertida e mais equilibrada, em um gênero saturado. O que achou da série? Pretende assistir? Conte pra nós nos comentários.

A parceria da Marvel e Hulu rendeu uma nova série em 2017 chamada Runaways (Os Fugitivos), parceria que deu tão certo que garantiu a renovação da segunda temporada. Esta série é baseada nas HQs destes super-heróis adolescentes e foi produzida pela ABC Studios e Marvel. A série chega mês que vem no Brasil pelo canal Sony. Com sua primeira temporada finalizada, vamos falar sobre ela e o que podemos esperar para a próxima temporada. Fique tranquilo, não há spoilers. Para começar, vamos entender um pouco a origem da série e como chegou ao serviço de streaming. Runaways é uma série…
E se seu maior inimigo estiver mais perto do que você imagina? É esta a realidade de seis adolescentes nada parecidos, mas que enfrentam um inimigo em comum: os próprios pais. Agora, o nerd Alex (Rhenzy Feliz), a independente Nico (Lyrica Okano), a bela Karolina (Virginia Gardner), a durona Gert (Ariela Barer), o galã Chase (Gregg Sulkin) e a inocente Molly unem forças em uma missão cujo campo de batalha começa em suas casas.

Marvel’s Runaways

Roteiro
Fotografia
Edição
Trilha Sonora
Figurino
Direção
Direção de Arte
Efeitos Especiais

ESPADAS

E se seu maior inimigo estiver mais perto do que você imagina? É esta a realidade de seis adolescentes nada parecidos, mas que enfrentam um inimigo em comum: os próprios pais. Agora, o nerd Alex (Rhenzy Feliz), a independente Nico (Lyrica Okano), a bela Karolina (Virginia Gardner), a durona Gert (Ariela Barer), o galã Chase (Gregg Sulkin) e a inocente Molly unem forças em uma missão cujo campo de batalha começa em suas casas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here