Arquivos

Animes e MangasDoramas

5 Mangás Shoujo que você precisa ler!

Como toda amante da cultura oriental, principalmente no quesito animes e mangás, preciso dizer que é impossível evitar aquela quedinha básica pelo estilo shoujo.

“Shoujo é o tipo de conteúdo/estilo focado para o público feminino.”


Foi praticamente a minha base para conhecer mais a fundo essa cultura tão vasta. E gostaria de indicar os meus 5 shoujos favoritos, tanto em relação ao anime quanto o mangá, que vale muito a pena você conhecer. Se arrisque nesse mundo, e prepare-se para viciar!

Fruits Basket

A história é voltada para vida de Tohru, uma garota do colegial que após o falecimento da sua mãe se vê em uma situação extremamente complicada. Sem ter como se sustentar, e não tendo lugar algum para ficar, ela se depara com a família Souma que a ajuda. Ela mora no quintal deles, e descobre que essa família tem uma maldição dos signos do zodíaco. Quando uma pessoa do sexo oposto a abraça, se transforma em um desses animais.

Fruits Basket além de ser uma história bem diferente, pelo menos naquela época não era tão comum esse estilo, tem tudo o que um shoujo precisa ter! Divertido, inusitado, típica protagonista inocente, muito romance, pitadas de drama… Enfim! São vários estilos mas que no conjunto nos trouxe uma obra fantástica que tenho um carinho tremendo. Tem a adaptação em anime, mas não se compara nem um pouco com o mangá. O mangá é muito mais completo, com detalhes e desenrolar da história mais explicado, dando tempo de você se envolver com os personagens e se apaixonar por cada um!

Ouran High School Host Club

Haruhi é uma garota humilde e bem esforçada. Ela ganha uma bolsa de estudos para um dos colégios mais conceituados e caros da região de Tóquio. Por conta da sua falta de vaidade, é confundida como menino várias vezes, principalmente por usar calça ao invés de saia por não ter condições de arcar com o uniforme. Por se sentir deslocada, e principalmente por ser tímida, ela procura um lugar tranquilo para ficar e cultivar seus livros. Quando ela encontra uma sala de música, que no começo parecia ser bem quieta, ela descobre um Host Club. Na confusão de se justificar e sair daquele lugar, ela acaba quebrando um vaso com estimativa de 8 milhões de ienes. Sem condições de arcar com o valor do vaso, ela se vê obrigada a trabalhar e ser um “cachorrinho” nesse Host até a formatura.

Calma gente! Sei o que vocês pensam quando leem Host Club, mas não é nada +18 por aqui! Dentre das minhas indicações, posso garantir que de longe, Ouran High School é o shoujo mais divertido e animado que eu conheço. Os personagens são marcantes demais e você se empolga com as loucuras de cada um. A história é tão boa, que além do anime, teve adaptação para dorama e live action. Mas claro que sempre darei o meu favoritismo para a versão de mangá, que óbvio, é o mais completo. Também na versão em anime, os traços da autora acabam sumindo. É claro que para adaptação em TV, não dá para representar os traços tão definidos e caprichosos dela.

Nana

Duas garotas chamadas Nana se encontram em um trem rumo a Tóquio por acaso. Depois de uma série de coincidências, elas acabam vivendo juntas em um apartamento de número 707 (“nana” significa “sete” em japonês). Apesar de terem personalidades e ideais diferentes, as duas acabam se tornando amigas “por obra do destino”.  Fonte: Wikipedia

Antes de comentar o quanto Nana é importante nesse mundo shoujo, preciso ressaltar a qualidade das obras que Ai Yazawa faz. Seu trabalho é incrível, e como ela consegue nos envolver direto com cada personagem que cria, é maravilhoso! Vai rolar sim, um post sobre suas obras.
Para definir Nana rapidamente,  posso dizer que é um shoujo mais “maduro”. A obra mostra a grande amizade que surge pela diferença de personalidade das meninas, e por conta disso, gera muita história. Tem os altos e baixos por dividir um apartamento, problemas no trabalho, amor, amizade… Tem muito conteúdo para se apaixonar!

Paradise Kiss

Yukari tem um gênio muito forte, e estuda muito para entrar em uma boa faculdade e realizar o sonho de seus pais. Por ser bonita e ter um corpo típico de uma modelo, ela é sequestrada por um grupo de estudantes de moda e conhece esse vasto mundo, onde aprenderá a lidar com mudanças físicas e mentais.

Conhecido também como ParaKiss, não poderia ficar de fora dessa lista.  Também é uma incrível obra de Ai Yazawa (eu disse que vale a pena um post sobre essa pessoa, né?!). Envolve tanto o romance quanto a moda. E como ela é apaixonada por esses mundos, resolveu fazer uma história e tanto sobre! É um trabalho que mostra muito o quesito de superação e lidar com as diferenças e o crescimento pessoal. Yukari descobre um futuro além daquele que os seus pais planejavam para ela, e no decorrer da história, mostra o quanto ela amadurece. A obra rende tanto que teve sua versão adaptada em anime e live action.

Zettai Kareshi 

Muito conhecido também por Absolute Boyfriend, conta a história de Riiko, uma garota extremamente sem sorte no amor. Sempre foi rejeitada e nunca teve namorado. Após fazer uma boa causa, devolvendo um celular perdido para um desconhecido, descobre que ele é um empresário e recebe o link da sua empresa. Sem más intenções, ela acaba encomendando um androide projetado por essa empresa (em fase de testes ainda). É o Namorado Perfeito, um androide que é apto a ceder e ser o perfeito companheiro. Porém, quando Riiko resolve devolver esse “namorado” descobre que há um pagamento de 1 milhão de ienes! Como poderá pagar essa dívida?

Zettai foi um dos meus primeiros mangás lidos, e sua adaptação para dorama foi o meu primeiro assistido nesse mundo. O mangá tem uma pegada mais infantil, mas mostra de novo, o amadurecimento da protagonista em relação há várias mudanças. Isso é muito comum nesse mundo shoujo, pois a maioria das leitoras querem se identificar com a protagonista, tendo elas como exemplo. Agora, o dorama, é uma boa adaptação, mas com uma pegada muito mais madura.

A história é rápida, sendo contada em seis volumes.

O que acharam dessas indicações? E quais são seus shoujos mais marcantes? Conta pra gente! 🙂

Deixe uma Resposta

Ynhaam Mazloum
Ynha e Shinoda. 23 anos, fisioterapeuta dermatofuncional. Tenho. mania. de. pontuação. E, de, vírgula, também! Apaixonada pela cultura asiática, música ao vivo e uma boa batatinha.